17.5.11

O EMPATA


Sócrates, no debate com Jerónimo de Sousa, acrescentou às suas reputadas qualidades de homem do passado e do passivo, a de empata. Ficou claro que, bastando-lhe um voto a mais, vai exigir formar governo mesmo que não tenha com quem o fazer. O homem é, de facto, capaz de tudo para se manter à tona. Isto apesar das circunstâncias críticas do país que são secundárias perante a prepotência da sua extraordinária pessoa. Ainda é preciso explicador e "delicadezas" subtis vindas da impropriamente chamada "direita" obcecada com os dois dígitos a qualquer preço?

12 comentários:

Anónimo disse...

SE ELE GANHAR AS ELEIÇÕES, É ÓBVIO QUE ELE TEM A RESPONSABILIDADE DE FORMAR GOVERNO.

OU A DEMOCRACIA É UMA BATATA?

MBO disse...

Teoria da Conspiração caseira (home made)

http://supraciliar.blogspot.com/2011/05/teoria-da-conspiracao-caseira.html

Anónimo disse...

Lá voltámos aos Posts cretinos......

Carlos Azevedo disse...

Embora Sócrates não tenha legitimidade -- e já nem falo de legitimidade moral; fico-me pela jurídica – para exigir formar Governo mesmo que o PS venha a ser o partido mais votado, até nisto se vê a índole do homem, pouco ou nada contando o que for melhor para o país. Enfim, nada que surpreenda, pois já há alguns dias que blogues afectos ao homem -- sim, isto é tudo tão reles que nem se pode falar de blogues afectos ao PS: é mesmo ao homem -- avançaram a questão.

Anónimo disse...

Ganhe,que não ganhe,o lugar dele é em Vale de Judeus!

Anónimo disse...

Assim é porque é a tradição portuguesa, explicou o PM ao país no debate. Como sabe qualquer aprendiz em direito socialista, na hierarquia a lei é superada pela tradição (veja-se o caso dos touros). Percebe-se perfeitamente que gostava e queria martelar a Constituição da República Portuguesa.

Anónimo disse...

Embora deteste este cromo mal-cheiroso, também acho que se este eleitorado "esclarecido" lhe der os tais 30 por cento e o 1º lugar, ele que governe... Pode ser que seja obrigado a limpar a sujeira, mas sem ajudantes! Só se for o Cavaco e os outros 3 gerontes.

PC

a.marques disse...

ALERTA CRÍTICO
O PS não governa e não gere; atropela, manipula e conspurca, e num estalar de dedos transferem para outros e todos nós o ónus da promiscuidade e do desvario que vão semeando. Não há solução para o País com estes ditos socialistas catastróficos a governar, e incuráveis ciclones destruidores quando na oposição. Num simples exercício prático e infalível imagine-se o discurso e prática de tal gente, se dirigido a quem tivesse sido autor de 1/10 das abusivas malfeitorias da própria autoria e paternidade. Não é preciso destruí-los, mas reservando-lhes uma grande lição pode ser que aprendam a comportar-se decentemente. Para o País estragos mínimos, máximo 19% para o cérebro de tão sinistro atentado.
Reduzir a expressão simples e inofensiva, como vestígio inerte de matéria corrosiva.
PS SÓZINHO OU ACOMPANHADO É NOSSO MAU FADO.

Fado Alexandrino disse...

Foi lamentável, o Pinóquio meteu completamente no bolso o Jerónimo com interrupções constantes.
Temo que consiga fazer o mesmo no último debate.

Anónimo disse...

A grande frase da passada semana, relativamente a este indivíduo, foi dita por Catroga: O PS está mortinho por se ver livre de Sócrates, mas para isso tem que perder as eleições. E é muito provavelmente o que vai acontecer - perder as eleições. Segundo informações que tenho, vindas de dentro do próprio partido, o PS está em pânico. Segundo sondagens feitas por eles mesmos, não terão mais que 25% dos votos.

Anónimo disse...

O 'empata' capitaliza e resiste porque a sociedade onde ele chafurda é, fundamentalmente, a 'do empata'. É nisso que ele aposta - e até agora com "bons" resultados. Nós, Portugal, somos uma sociedade "mediana" (para sermos benevolentes), mediocre, assim-assim, divididos estupidamente entre agarrar na moca e ir dormir a sesta; depois, cobardemente, acabamos por não fazer nem uma coisa nem outra. Somos o País do 'cerca de matade dos inquiridos', ou do 'dois terços da população', ou 'um terço de funcionários públicos e dependentes directos da mão do Estado', ou dos 'cerca de 40% de indecisos' (jamais perceberei como pode existir tamanho número de indecisos; apenas à luz do calculismo de curto prazo mais idiota e mais rasteirinho esta cifra é explicável). Até entre os líderes partidários temas uma salomónica distribuição de velhacaria, estupidez, maldade, inteligência, qualidades várias e tendências criminais: O que parece sobrar a Passos em boa vontade, simpatia sincera e seriedade, tem todavia o reverso na falta de energia, na insegurança e na falta de estratégia puramente eleitoralista (indispensável para "ganhar o povo"). Pinto-de-sousa é mestre "em energia", combatividade, banha da cobra e mafiosices. Paulo Portas é inteligente, é aprumado, bem aconselhado, certinho e empático (!), mas é vaidoso, deslumbrado, peralvilho. Da esquerda lunática nem vale a pena falar. O povaréu oscila - sem convicções - entre estas "propostas", querendo a todo o custo apanhar algumas migalhas de esperança (que, segundo o Dr. House, "é para os maricas"), de tacharia, de segurança infundada, de tranquilidade alvar e de rotina futeboleira. Coisa mole, coisa a-meio-pau, coisa imprecisa, coisa de impasse constante. Empatada e empastada.
É imperiosa a frase de boa memória: "e agora, algo completamente diferente".

Ass.: Besta Imunda

Cáustico disse...

Mas o que mais me impressiona, nesta besta política, é o descaramento dele ao afirmar que a oposição chumbou o PEC IV porque PPC tem sede de poder.
Mas não é o grande canalha que continuamente mostra que não quer largar o poder, mesmo depois de dois partidos já terem afirmado que não querem fazer governo com ele?