9.7.10

CAIXAS DE PANDORA


Tem respaldo da CGD e do Estado, não sei se golden, silver ou brown. Mas corre por aí que o BCP pode caminhar para o seu Dämmerung. Talvez Vara não tivesse saído só por causa de uma sucateira e de um processo em curso. Talvez sim. Talvez não.

Adenda "ficamos mais descansados" (de um leitor anónimo): «Em relação ao BCP, todos os indicadores de gestão disponíveis apontam exactamente para o contrário do "Dammerung", aqui sem trema, que sugere. Este assunto não é literatura e é preciso ter cuidado quando se passa a ideia que a saída de AV é um sinal de má situação do banco. AV saiu porque percebeu que a sua oportunidade tinha passado. O BCP é já outro.»

Adenda (do BCP, via Expresso): «A administração do Millenium BCP apresentou ontem queixa na Polícia Judiciária contra os autores anónimos de SMS contendo rumores alarmistas sobre a situação do banco. Em 2008, o BCP foi alvo de uma situação semelhante.»

17 comentários:

Anónimo disse...

Os ratos abandonam um escaler deste grande titanic onde estamos quase todos.

Garganta Funda... disse...

A verdadeira «debâcle» ainda está por chegar!

Ainda só estamos na fase do «aquecimento»....

Mani Pulite disse...

A SHIT SHARE DO ESTADO IRÁ VETAR TÃO INFELIZ OCASO.SEMPRE SÃO OS INTERESSES ESTRATÉGICOS DE UM ASSALTO BEM SUCEDIDO QUE ESTÃO EM CAUSA.NÃO DEVEMOS CONTUDO ENTRAR EM STRESS.AINDA VAMOS TER AS BICAS À BORLA.

Anónimo disse...

Caro João Gonçalves,

Em relação ao BCP, todos os indicadores de gestão disponíveis apontam exactamente para o contrário do "Dammerung", aqui sem trema, que sugere.

Este assunto não é literatura e é preciso ter cuidado quando se passa a ideia que a saída de AV é um sinal de má situação do banco.

AV saiu porque percebeu que a sua oportunidade tinha passado.

O BCP é já outro.

Anónimo disse...

Também estou mais descansado: numa outra instituição bancária disseram-me que a boa velha CGD teve de se chegar à frente com 5.000 milhões... andam rumores no ar...
O BCP é outro de facto: do PS e falido.

floribundus disse...

chamou-lhe adenda
eu diria ameaça abrantina
mal disfarçada

depois da entrevista de Pinhal
algo vai mal

o comendador joe anda muito calado
sobre o bcp e pt

Mani Pulite disse...

SEGUNDO A SIC E O ALMERINDO AS ESTRADAS DE PORTUGAL ESTÃO EM VIAS DE ENTRAR EM RUPTURA DE TESOURARIA DENTRO DE UMAS SEMANAS.SEM O CACAU DA BANCA AS ESTRADAS VÃO FICAR CHEIAS DE RAT HOLES.ENTRETANTO HÁ POR AÍ UM GAGO QUE ANDA A FALAR DE DIPLOMAS.VALE A PENA LER.É DE CHORAR A RIR.

Anónimo disse...

5 000 milhões? isso é o que a CGD precisava para continuar a financiar as operações ruinosas para que está a ser empurrada pelo Governo.

Acho interessante ver pessoas que não confiam minimamente no Governo acharem que a CGD é o supra-sumo . A CGD é o instrumento financeiro do Governo. Se tudo o resto está a cair...

Toda a banca portuguesa está em dificuldades, não penso que as do BCP sejam maiores que as dos outros bancos, incluindo a CGD.

Depois, se algum dia o BCP cair, alguém acredita que algum dos outros pilares do sistema financeiro português continue de pé?

Repito: isto não é literatura e se pensam que os afectados serão apenas os que têm dinheiro nos bancos, desiludam-se!

Jacinto disse...

Corre nos "mentideros" que a cleptocracia angolana se tornou o "deus-ex-machina" do banco dos robalos...

João Gonçalves disse...

Só não entendo por que é que a literatura é para aqui chamada.

Zabal disse...

Dois pomposos senhores a entrarem num Bentley a falarem entre eles, suficientemente alto para eu ouvir, diziam, há já algum tempo, que o BCP ia falir.
A atentar pela viatura eu tomei nota e fui avisando a malta amiga...

Anónimo disse...

Só ficamos descansados se Vara for para a Caixa gerir o BCP ao telefone com o PM.

Anónimo disse...

Metonímia!

Anónimo disse...

Os 5.000M foram para compromissos do BCP junto do BCE... é o que anda a constar.

"Depois, se algum dia o BCP cair, alguém acredita que algum dos outros pilares do sistema financeiro português continue de pé?"
Disso ninguém tem dúvidas. Ou tem? Se tem, azar.

Também não entendo a questão da literatura... se me pusesse a adivinhar diria que é para o JG se reduzir à sua insignificância e deixar os "assuntos sérios" para quem percebe. Economistas, advogados, enfim, esse vasto grupo que basicamente sem saber ler nem escrever (sem literatura) tanto e tão bem tem tratado a Nação.

Mani Pulite disse...

PODEMOS SEMPRE LER "THE PLEASURES OF BANKRUPTCY" DE PIERRE LE VALLE.É LITERATURA.

Justiniano disse...

São realmente especulações muitíssimo perigosas!!

rmvsantos disse...

http://www.jornaldenegocios.pt/home.php?template=SHOWNEWS_V2&id=434225

DEve de ser o mesmo tipo de carta by Almerindo. :D

A

Rui