15.7.10

QUEM QUER CASAR COM A CAROCHINHA?

O dr. Portas precisava de um "número". E o "número" foi fazer-se convidado para um putativo governo que ninguém sufragou, estilo "maria-vai-com-as-outras". O que Portas conseguiu com isto foi Sócrates aparecer a fazer o seu "número" habitual do ungido e de penhor da credibilidade do país. E à direita não ganhou nada com o exercício até porque Passos Coelho nem sequer frequenta o parlamento. Pobre carochinha.

20 comentários:

Anónimo disse...

O senhor é péssimo, Dr. Gonçalves.

Ass.: Besta Imunda

Anónimo disse...

P+essimo,porquê,Besta Imunda?

Anónimo disse...

Mas afinal quem é aqui o João Ratão ?

Anónimo disse...

Ouvi mal ou no discurso final do ministro da economia ele escorregou e disse "houve eleições em setembro e vai haver no fim do ano"?

Anónimo disse...

Ele entendeu.

Ass.: Besta Imunda

Anónimo disse...

Eu sinceramente acho que o Dr Portas desta vez acertou.
O Pais não aguenta socrates mais 1 ano e não podem realizar-se eleições sem o perlamento dissolvido.

Vera

Anónimo disse...

Pois ... e o PSD não faz governo sem o CDS. São todos muito políticamente púdicos, mas depois é um tal abrir as perninhas em nome da suposta "alternância democrática", i-e, em nome do rotativismo à Séc XIX.
Vão chatear a avó.

José Domingos disse...

O PP quer é poleiro,já está quase tudo rapado, agora ele ser de direita??????
Até o Manuel Monteiro, já é censurado, não aparece em lado nenhum. Essa direita, já não é permitida.
É bom viver em democracia, neste curral, á beira mar plantado.

Anónimo disse...

Dai o Doutori Gonçalves ter entendido...

Anónimo disse...

Eis uma questão em que a forma importa: tem razão, Dr.JG.
O apelo à demissão foi bom, diluíu-se na ménage a trois.
Mas mais um ano de Sócrates é imposssível. Ou não é?

Anónimo disse...

Ora, muito do que se passa em Portugal, é exemplificado, por isto:

Sophia – Carta a Jorge de Sena sobre o Prémio Nobel,
Dezembro 28, 2009

“Lisboa, 31 de Dezembro de 1959 Cópia da carta que foi para a Sociedade dos Escritores assinada por mim e pelo Francisco. Isto é o relato jurídico dos factos feitos pelo Francisco. O que se passa, em termos meus, é o seguinte: os escritores e intelectuais portugueses não querem que o Torga receba a prémio [...]

Red Eagle disse...

Também ainda não percebi quem será o João Ratão

Saudações Chaladas

Anónimo disse...

O Dr. Portas precisou de proferir uma bela frase, em modo categórico; para chamar a atenção e poder dizer ao mitómano "até o PS beneficiaria se o sr. desaparecesse". Mas é apenas teórico; nem ele acredita nele próprio. E o PS, coitadinho, é sócrates, depende de sócrates, tem medo de sócrates, está preso a sócrates e nem com "transições-assis-seguro" conseguiria funcionar.
Prrrr!...

Ass.: Besta Imunda

Anónimo disse...

Já agora João, como e quando é que pretende ver removido o mitómano que nos governa?
Se estamos à espera que seja o PR a dar o empurrão bem podemos esperar sentados...

Anónimo disse...

Um bom governo PS, alternativo a este, seria liderado por António J. Seguro como PM; teria a dona Medeiros como ministra da Koltura; Mário Soares na pasta das Finanças; Maria de Belém na Defesa; Ana Gomes na Agricultura e Pescas; Heloísa Apolónia (independente) nas Obras Públicas ; Ricardo Rodrigues na Justiça; Armando Vara no Ensino Superior e Ciência; Manuel Godinho no Ambiente; Tino de Rãs nos Negócios Estrangeiros. E Isabel Alçada na Educação.

Ass.: Besta Imunda

Anónimo disse...

Besta Imunda, elenco governamental ou de filme de terror de terceira categoria, daqueles bem rançosos, maioritariamente filmados numa cave suja de um subúrbio esquecido pela civilização?

PB

Anónimo disse...

Mas o elenco de governo sugerido pela «Besta», é uma excelente demonstração (são todos conhecidos como prestadores de serviços públicos à Nação) - uma excelente demonstração, dizia eu - de como o escrutínio dito democrático é ineficaz e muitas vezes contraproducente na escolha das elites. É que há muita gente que "endeusa" o escrutínio democrático e o resultado tem estado à vista ...

Anónimo disse...

Ena, que isto aqui é só "finéce" intelectuali!


Parabéns, em especial pelos comentadores, que mais do que ninguém qualificam cristalinamente este belogue...

Anónimo disse...

Atenção, que há aqui um gajo a escrever em francês...

Ass.: Besta Imunda

Anónimo disse...

Ó caro anónimo, muito obrigado pela parte que me cabe. De facto a finesse, aqui, é para contrapor à puanteur de outros lugares.