24.4.10

"DIAS DA MÚSICA"?



Decorre no CCB uma daquelas pavorosas jornadas dos "dias da música" que atraem multidões musicalmente iletradas como, dantes, a feira popular as atraía para comboios-fantasma e rodas. O CCB há muito que se tornou num sítio pouco interessante à excepção de um bar, daquele bar lá em cima, pequeno e acolhedor, com vista para o Tejo. De equipamento cultural, o CCB passou a armazém quase exclusivo das coisinhas do comendador Berardo e a uma espécie de monte alentejano do dr. Mega e respectivos acólitos. De resto, alberga apresentações oficiais e oficiosas e pouco mais. "Os dias da música" constituem uma pessegada non stop, sem o menor prestígio, supostamente destinada a "incutir" nas massas que por lá se passeiam algum gosto musical. Não se "educa" um gosto musical no meio de um turbilhão maciço. Requer tempo e, pasme-se, silêncio. O dr. Mega, que é tão ilustrado, devia saber isto de cor. Mas o videirismo fala sempre mais alto. Como as criancinhas a berrar pelos corredores com simulacros de Bach a soar ao fundo.

Clip: Gustav Mahler, Final da Sinfonia nº 2, "Ressurreição". LPO. Leonard Bernstein

5 comentários:

João disse...

Esse bar é o meu sítio preferido de Lisboa para estudar,ler um livro ou simplesmente o jornal. O problema é que já muita gente pensa o mesmo e, às vezes é complicado arranjar lugar.

Fado Alexandrino disse...

O senhor desculpe-me, mas tive que me rir, está tudo dito.
É isso mesmo, o silêncio é o ruído mais importante do homem.
Quanto ao bar, acho melhor chamar-lhe uma esplanada, é simplesmente um dos melhores ( e mais baratos) lugares de Lisboa.

Karocha disse...

Eu também fado.
E como estava a ver se dava alguma noticia,tive que ver a peça toda com peixinhos e tudo!!!

Anónimo disse...

Temos que começar de alguma forma, não?
Só tenho pena que não se organizem mais estes eventos...
Se há critica-se...
Se não há critica-se....
O que pretendem?
Tal vai o espirito tacanho português....

Anónimo disse...

http://www.youtube.com/results?search_query=amazing+harmonica+in+carnegie+hall&aq=f

Aqui está uma boa e barata alternativa para o CCB. Levantou o Carnegie Hll em aplausos, quanto a mim, merecidíssimos.