18.4.10

DESEMPOEIRADO


Cavaco Silva andou por essa Europa empoeirada a demonstrar que é um paciente corredor de fundo. Mas ainda precisa de sacudir algum pó desnecessariamante acumulado nos ombros e na cabeça.

9 comentários:

Piotr Kropotkine disse...

ah formidável ... e eu a pensar que tinha sido enxovalhado em Praga por causa do deficit e da divida publica hilariantemente exponencial, desporto em que ele também foi eximio praticante mandando empresas para publicas pseudo privadas proto potencialmente putativamente do estado endividarem-se com a garantia do (bendito) estado como técnica de desorçamentação praticada com grande profissionalismo entre nós por todos os ministros e primeiros ministros .... uns com ar mais seráfico outros mais canhestros mas todos com conta no BES....

João Gonçalves disse...

Muito bem. Mas às vezes temos de escolher o melhor do que não presta. O que nem sequer é o caso. Abraço.

Anónimo disse...

Não é um estadista, lastimo. E corre o risco de ser tão de fundo, tão de fundo, que quando chegar à meta já lá não está nada.

Anónimo disse...

Além de já não suportar ouvir o mal-cheiroso dito cujo, estou a ficar farto deste também. O voto mais inútil que alguma vez dei.

PC

radical livre disse...

a pensar no seu comportamento e de alguns amigos amanhã escrevo sobre "passagem do Rubicão".

lema de sempre «de pé ou morto, nunca de cócoras»

Garganta Funda... disse...

Desde a clamorosa derrota em Alcácer-Kibir que «sebastinianismo» faz parte do imaginário português.

Não sei se com o Cavaco vamos ter o V Império ou o «Império do Espirito Santo» como se festeja nos Açores, com arraial e bodo de leite...

Anónimo disse...

Cavaco devia ter tido (infelizmente nunca tem...) resposta rápida e com graça que tivesse "calado" o PR Checo (este não teria sido "moralista" uma 2ª vez); Cavaco devia ter levado menos e melhor gente; Cavaco devia ter deixado a sua Sr.ª em casa; Cavaco não deveria ter levado mais do que 2 jornalistas; Cavaco devia ter feito, também ele, um discurso mais duro-realista; Cavaco devia ter levado mais uma muda de roupa; Cavaco devia ter ido a Varsóvia e Cracóvia homenagear o seu corajoso homólogo - Cavaco devia assim ter presenciado um POVO digno e uma cerimónia grande, ao mesmo tempo que receberia uma lição e ar respirável. Finalmente, se na volta ainda tivesse de viajar de automóvel, não deveria ter dado boleia a toda a gentinha que foi aparecendo.
Ass.: Besta Imunda

Anónimo disse...

Oxalá não tenha apanhado poeira da Island volcan cloud: pode vir contagiado e já ninguém o salvará da bancarrota...

asmodeux disse...

comentar pra quê
um político que quer dar a impressão que nunca o foi e que é um sucedâneo um pouco menos colorido do que um dos seus mais anafados antecessores que como este pouco fez como 1ºalém de betonizar o país apesar de teoricamente e pelo que escreveu demonstrar saber mais do equilibrium do que os restantes 1ºs
MERece que lhe digam umas verdades
Quem tem telhados de vidro não corta fitas no Portugal de Abril que qualquer dia volta a Maio
com mais um despotazinho pouco esclarecido mas bom merceeiro.