26.2.10

PORQUE PENSA

Na lixeira em que nos movemos, é reconfortante saber que há compatriotas nossos cujo pensamento - sim, ainda há quem pense apesar da bulimia intelectual que nos atacou como uma praga de mosquitos - é reconhecido por ele mesmo. Porque pensa.

3 comentários:

maria alves disse...

Ainda bem, fico muito feliz por haver pessoas que se dedicam ao pensamento. É pena que tenham de ir lá para fora... Apesar de Portugal não ter um sistema ou filósofos conhecidos ao longo da história das ideias, conheço alguns que pensam e pensam bem. Logo logo vejo o texto do Prof. Carrilho ;-) bem haja! ;-)

Luis Geraldes disse...

Recomendo, que no próximo orçamento de estado haja uma rubrica para combatermos a anorexia mental dos Portugueses.

Anónimo disse...

Grande artigo do Carrilho.