9.6.11

UM BARROSO À DERIVA


É um gozo especial ver coisas destas derrotadas e incapazes, de tão democratas de pacotilha que são, de olhar para o país sem ser como uma permanente coutada privativa. Pois não é, sobrinho do tio. Habitue-se e tire, nas "novas oportunidades", um cursinho rápido de boas maneiras e de lavagem de fígados.

7 comentários:

Anónimo disse...

Barroso já havia perdido a compostura quando 'se percebeu' que o PSD, pós-debate de 6ªFeira com sócrates, iria cativar a preferência da maioria dos votos. Dias antes das eleições o desconforto já era irreprimível, e Barroso - sentado à direita do jornalista-crespo - esbracejava e esfregava os olhos por de trás das lentes bovinas (a 'régie' teve ainda um misto de piedade e medo do 'Clã-Soares' e tirou, célere, do ar as imagens do desespero). Destilou ainda frases acanalhadas e más-criações em registo de taberna, para tentar explicar o que não precisava de explicação. O que o sobrinho quer é um bode expiatório, uma explicação, algo a que atribuír culpas - que não o criminal friso do Rato. Mas mesmo que encontre esse bode, vai sim precisar de muitos sais de frutos 'Eno' e Lexotans de 3mg, a par do tal "...cursinho das novas oportunidades".

Ass.: Besta Imunda

joshua disse...

O Eduardo Borroso não sabe comentar. Sabe, sim, derramar elocubrações num socialistês de louvor socialista por um statu quo semper socialisticus.

Anónimo disse...

Assim como recordo a FEPU de Cunhal, Tengarrinha e M. Serra (formada antes da AD); e depois a APU, já só com o PCP e o MDP/CDE - destinada a combater a "AD fascista" - também me lembro da FRS (PS, UEDS? e ASDI) liderada por Soares para perder; e depois 1985, em holocáusto e também para perder, o PS 'de Almeida Santos'. O PRD foi assim 'o espinho cravado na garganta do PS'; a associação idiota de Constâncio a uma moção azougada de Martinho, atirou Cavaco para mais 8 anos de governo. O PS, a maçonaria e a esquerda-nobre-e-hereditária-do-Campo-Grande não precisaram da esquerda operária e revolucionária para os seus próprios desastres eleitorais aqui e ali. Têm portanto a sua própria e riquíssima reserva de bodes. O sobrinho há-de lembrar-se.

Ass.: Besta Imunda

Dias Santos disse...

Pobre sobrinho, que nem sequer é sobrinho do tio.
Sobrinho da tia.

floribundus disse...

segundo os xuxas PPC deu tantos tiros que já não deve ter pés.

contudo a esquerda é que anda de muletas

Anónimo disse...

Que os boys tenham tomado conta do PS, é lá com eles. Que se amanhem. O pior mesmo foi que tomaram conta do país. Por isso estamos como estamos. É preciso espulgá-los!

Carlos Medina Ribeiro disse...

O texto integral da crónica de Alfredo (e não "Eduardo") Barroso pode ser lido nos blogues onde ele publica, nomeadamente [AQUI].

Os leitores (desde que não-anónimos) poderão escrever, lá, os comentários que entenderem - o autor costuma responder-lhes.