29.8.10

A ANSIEDADE


«Esta direcção do PSD é um soluço. Assentou no regresso da máquina autárquica menesista-botista ressabiada com MFL e com o "partido lisboeta", contratou um janízaro ( Ângelo Correia) que o líder "ouve quando quer e quando não quer" e acolheu um corpo expedicionário avulso: oportunistas, vira-casacas e, inevitavelmente, alguma gente de boa vontade. Esta amálgama, como é próprio das amálgamas, não tem direcção. Tacteia, experimenta, endeusa as sondagens e aguarda o apodrecimento do governo. Se os amalgamados lá chegarem , sabemos o que valem: uma ampulheta.»

Filipe Nunes Vicente, Mar Salgado

11 comentários:

Anónimo disse...

O Povo, a isto, chama:
DOR DE COTOVELO

Anónimo disse...

Pior qu o incrível dito cujo e os jagunços do peiésse não são, de certeza!

Portanto, não quero saber de orçamentos, de duodécimos, de "interesses do Pa
is", de eleições presidenciais e de outras pepineiras. Next, já!!!!


PC

Miguel Dias disse...

Não percebo qual o ressentimento/azedume que o Sr. Filipe Vicente tem para com o PSD. Aceito que a actual vida interna do partido em questão demonstra uma desorientação ideológica e programática, e o "ajuste de contas" o passado está à vista de todos, mas já que o Sr. Filipe fala em em "psicologia social" uma consulta do mesmo a um psiquiatra/psicanalista talvez o ajudasse a compreender e curar a sua "horribile quaestione" com o PSD.
Sobre o PSD, uma vitória eleitoral cura ou "suaviza" todos os desentendimentos internos, que são normais em tempos de "vacas magras".

Jorge Diniz disse...

Fabulosa definição. Parabéns.

Eduardo F. disse...

Pedro Passos Coelho (PPC) fez passar como sua a ideia de que Manuela Ferreira Leite só não ganhou as eleições legislativas de 2009 por manifesta e exclusiva inépcia.

"Batedores" de PPC chegaram mesmo (e continuam) a afirmar que as matérias de carácter não deveriam constar do debate político pois o efeito prático da sua exposição era o de conduzir à perpetuidade de Sócrates no poder (por exemplo, aqui).

As sondagens, favoráveis, que surgiram no 2º trimestre de 2010, reforçaram esta ideia. PPC ajudava o governo e quem perdia era Sócrates. Era fácil. Demonstrada ficava a justeza da acusação contra Ferreira Leite.

Eis senão, à medida que se vai percebendo que, afinal, e para grande surpresa de PPC (que se defronta pela primeira vez com o facto de Sócrates não cumprir os seus compromissos), os impostos sobem mas a despesa também (mais esta que aqueles o que leva a que o défice cresça), que os desastres se sucedem: o projecto-que-afinal-ainda-não-era de revisão constitucional demonstra à saciedade a ausência de doutrina por parte de PPC; o "calçadão" de Quarteira, feito de conversa oca, desfaz-se na primeira oportunidade (vide Expresso de 28-08-2010, "PSD admite cortes nas deduções dos 3 escalões [de IRS] mais altos").

Entretanto, Sócrates ganha fôlego. Ele sabe que a mentira, não exaustivamente exposta, lhe rende nas sondagens (e nos votos). PPC intui, pela primeira vez, que não vai ser fácil. Espero que tenha a sageza de contar com Cavaco e não permita que coisas como esta ou esta continuem por muito tempo.

www.angeloochoa.net disse...

J.G.:
Agora que já vejo muito anterior votante ps a voltar-se pra psd sem complexo de trocar pés por mãos ou mais propriamente mão esquerda por mão direita, pergunto-me se esse eterno jpsd passos se fará algum dia homenzinho que não outra boneca de plástico insuflável estilo zé primeiro.
Ó tempore, ó mores!
Valha-nos S.Tomás Morus!

Anónimo disse...

Filipe Nunes Vicente expõe de uma nova forma, e de modo "mais actual", o que já foi notado e dito deste PSD revestido de incompetentes desnorteados e sem programa. Passos - o manequim - anda em más companhias e a fazer asneiras quase desde o princípio; e é de uma apatia e falta de convicção desanimadoras. Ainda não conseguiu e não conseguirá galvanizar ninguém: é um cepo a falar para basbaques embrutecidos por uma crassa existência.

Ass.: Besta Imunda

floribundus disse...

eixo: bota-massamá-gaia com correia de transmissão.
olhando para o comportamente de MFL esta porcaria (com o meu pedido de desculpa para os suínos) mete dó.

Garganta Funda disse...

A única hipótese que o PSD tem para mercecer a confiança dos portugueses, é votar contra o orçamento, ardilosamente preparado pelo Socretino.

E seria uma boa oportunidade para pôr o Prof.Cavaco a falar sózinho, pois toda a gente já viu que ele é um dos pilares deste sistema pôdre e inviável.

Se o Orçamento «passar» teremos socretenismo até o «chico vir d'areia».

Anónimo disse...

Pese embora algum exagero não deixa de ser verdade, em substância, a caracterização feita pelo autor do blog.
De qualquer modo a sua indisposição deve ser causada pelo estado do seu clube situação que, aliás, eu perfilho.

Oliveira Neves disse...

Pode ser que sim...pode ser que não...quem sabe!?
-Não voltes Sà Carneiro,porque não ias entender esta malta. O que fizeram do teu Partido? Ninguèm sabe,ou alguém saberá?