25.10.06

QUANDO TUDO CAI - 2


Enquanto o telejornal oficioso da RTP prossegue na sua contumaz função propagandística, os outros canais mostram um país devastado por uma intempérie imprevista. Não há "plano tecnológico" que valha na desgraça. Lembrei-me de um post que aqui pus há três anos. As imagens de hoje são cruéis e mostram a realidade como ela é. Como ela continua a ser.

QUANDO TUDO CAI

Um estudo qualquer veio demonstrar que há umas boas dezenas de pontes prontas para cair a qualquer momento. Julgo que o distrito mais penalizado por esta eventualidade é Viana do Castelo. A célebre vaga do betão não pôde, pelos vistos, acudir a tudo. Mesmo as preciosas auto-estradas, os itinerários principais, as vias de circulação internas e externas ou as circulares, estão quase sempre em permanentes alargamentos ou encolhimentos. Até uma obscura rua de uma qualquer nossa cidade, não escapa ao esventramento. A paisagem assemelha-se muitas vezes a um estaleiro. Infelizmente nada disto chega para prevenir o pior. Fica-se com a sensação de que nada se planeia e que tudo é fruto do improviso e da adivinhação. Entretanto, as estruturas envelhecidas e em apodrecimento irreversível, vão cedendo. Como bons parolos, vivemos à superfície armados em "modernos". Só quando tudo cai é que se vê, que, por baixo, não há nada.

2 comentários:

Anónimo disse...

«nada se planeia e ... tudo é fruto do improviso e da adivinhação»
Absoluta e infelizmente.
Parece sina desta raça.
Até numa corporação dotada dos recursos mais ricos da lusitânia,é ver o que fazer de uma esquadra de 20 modernos F-16, tão tão modernos, que não tendo sido desencaixotados, há anos, há-dem ver de alguem no mercado internacional que os queira comprar ao desbarato.
Talvez o Ruanda ou para o Darfur.
Assim será com os dois submarinos do patriota Portas e o seu ar feliz e bem disposto nas bancadas da AR.
Amen.
Z

iiiiiiuuuuupi disse...

"Só quando tudo cai é que se vê, que, por baixo, não há nada"

esses são os parolos; então podemos meter muita gente nesse saco. a comerçar pelos 'amigos' americanos...