5.3.11

LE PEN VAI DESCER A AVENIDA?


Não apoio e critico o copy paste* do que se está a passar no mundo árabe para o "12 de Março" doméstico. Suponho que não passará de um rotundo fracasso (refiro-me sobretudo aos "1 milhão contra a classe política"). Mas não posso deixar de sorrir quando detecto os albaneses do Rato a criticar a coisa nos termos citados pelo Tomás Vasques. Porque há uma parte da coisa em que, na sua aparente desrazão, subsiste alguma razão. Os referidos albaneses do Rato não têm feito outra coisa senão travestir a democracia. Só caras e línguas de pau é que podem dizer, sem que o bicho da madeira os roa impiedosamente, que os "12 de Março" se manifestam «contra o actual modelo político da democracia em Portugal» como se o "modelo" deles fosse exemplo para alguém. E, de facto, a menina Le Pen anda com boas sondagens e já ultrapassa Sarkozy (até o macaco Adriano ultrapassava embora Sarkozy não deva ser subestimado). Pegar nisso, porém, e fazer copy paste para cá é simétrico daquilo que se verbera até porque, bem ou mal, por aqui não há prole Le Pen. Ou julgam que se a "manif" fosse precedida de uma liderança minimamente credível não "pegava" como pegaram as "manifs" Jeanne d' Arc do Le Pen (assisti a uma, em 2002, quando o dito passou à 2ª volta contra Chirac, um "susto" a sério de que andamos precisados: tomaram os nossos cgtpistas corsos carnavalescos ter aquela multidão!)? Mas, com as "modelares" criaturas que pastoreiam a Europa, o que é que queriam?

*(estava lá copy past, eu sei; agradecido aos perfeccionistas ainda com dois "cc")

8 comentários:

Anónimo disse...

Por cá não há prole Le Pen, diz o João Gonçalves. Haver até há, e o homem ainda tentou dar-lhes um empurrão...até aceitou aparecer num tempo de antena
http://www.youtube.com/watch?v=iwC_1TfAEm4

http://www.youtube.com/watch?v=S8qyzLZ4XNY

mas foi tempo perdido, porque a prole Le Pen portuguesa bate todos os recordes de indigencia intelectual e inabilidade politica.
Não surgirá dessas bandas nenhuma ameça minimamente credivel ao regime vigente.

الرجل ذبح بعضهم البعض ولكن الخيول باهظة الثمن disse...

chamar albaneses do rato

a quem se bateu aos 15 anos em capelas contra a dita dura

e conseguiu segurar o protagonismo
político durante 36 anos de dita mole

além de insultar o grã Enver Hoxha
e os albaneses que me limparam o reloj

insulta tamém os ratos

floribundus disse...

não há socialismo democrático.
serve-se da democracia burguesa.
na sua génese há opressão-repressão.
não há cidadãos. o povo existe como contribuinte.
o estado nãoo existe para servir a população.esta existe para servir o estado.
no largo do Rato: existe pensamento único e delito de opinião.
não colaboro neste carnaval que dura há anos e até haver dinheiro emprestado.
os comediantes saem diariamente há rua para a sua representação tipo 'Robertos' ou 'marionetes' de bonecreiros.
PQP

Anónimo disse...

E o espectaculo continua: A canção vencedora do festival RTP 2011 é um Village People do 25 de Abril. Nem Deolindas Bloquistas, nem "Companheiros de Ary",de que a primeira fila estava cheia, nem conservadoras em falsas galdérias azuis. Não ganhou pela musica , mas pelo não alinhar no sistema. A Luta continua, paz. pão, habitação, traálááá´lláá´.

Anónimo disse...

Um susto? Para lá com essa da tolerancia que te enfiam na loja.Tivesse o PNR uma cabeça credivel a ver onde ja estavam estes meninos. Até o CDS teria mais força, e toda a direita saia para a rua, fartinhos que estamos destes cleptosocialismos.

Anónimo disse...

A nossa liberdade é retirarem os cartazes contra a libertade de todos. È o poder de Ant. Costa que manda retrar os cartazes, dentro da lei, de que não gosta. E os fascistas somos nós...

José Domingos disse...

A esquerda da treta, que anda a sugar este país, á trinta e tal anos, com os resultados que estão á vista de todos, não admite direita, á direita do cds.
Assaltaram o aparelho de estado, fazem as leis, e a democracia, vale o conceito deles. claro, que bem comido e regado, em almoços e jantares de luxo, onde a maioria dos comensais, nem saiba para que servem, tantos talheres e copos.
Também não faz mal, o povo inculto e bovinizado, paga a conta.

Anónimo disse...

Os comunistas são ladrões. O estado Socialista rouba o povo. - È para vosso bem....-Tem que sofrer...Trinta e cinco anos de diarreia democratico-socialista, ESTA NA HORA DA NOVA REVOLUÇÃO.