3.9.06

A VERDADE DA MENTIRA (actualizada)


Amor com amor se paga. Como explica linearmente no Público Vasco Pulido Valente (sem link), o engº Sócrates está a "cavaquizar" o PS, da mesma maneira que, até mais ver, "socratizou" Cavaco. Mais. Começou a preparar o partido para "deixar" passar - se não mesmo, apoiar - uma recandidatura presidencial. Para Sócrates, o partido é tão instrumental como as sapatilhas que usa para correr. E desde que o poder esteja bem distribuído pelos "camaradas" - das direcções-gerais às empresas de capitais públicos, da gestão de um canil municipal à informação- o mais que ele pode esperar são murmúrios vãos. Cavaco, neste primeiro mandato, dificilmente pode fazer outra coisa para além do que tem feito: aceitar, sem um rebuço, a autoridade (ia a escrever o autoritarismo) indiscutível de Sócrates. Cavaco não é perfeito, graças a Deus, e aprecia o respeitinho. Pelos vistos, à canzoada é indiferente que ele tenha andado pelo país a prometer a salvação da pátria ou a liderança do regime, tal como Sócrates prometeu não aumentar os impostos. O que me irrita na "civilização democrática", para além da bovinidade contentinha das "massas", é que o que acaba por triunfar é quase sempre a verdade da mentira. É só isso que a dupla Cavaco/Sócrates nos garante durante dez anos? E se a "propaganda" e as "reformas" não resultarem? O que é que fará Cavaco nessa altura? O melhor mesmo é ir meter a cabeça dentro de água para esquecer.

Adenda (emendada depois de ouvir Marques Mendes): Um conselho. Para já, esqueça que tem um "aliado" em Belém. Não tem. Lembre-se de Soares, "saison" 86-91, e ponha os olhos nesses fracassos dinamitados à distância que foram Constâncio e Sampaio. É claro que Cavaco não é Soares, e o senhor não é, felizmente, nenhum daqueles dois. Cavaco o que menos deseja são chatices, como ele diz, "político-partidárias". Porém, mais tarde ou mais cedo, as chatices hão-de bater-lhe à porta. E aí, ou há "ecce homo" ou não. Faz bem o dr. Mendes em pedalar a sua bicicleta. Sem medo de cair. Se isso acontecer, é só uma questão de se levantar e prosseguir o caminho.

5 comentários:

Shrew disse...

Aníbal Cavaco Silva deixou definitivamente o Olimpo, quando o povo voltar a pensar num salvador da Pátria, Cavaco Silva estará fora da lista, e ainda bem.

joshua disse...

Ah, o poder, o poder!

António P. disse...

Caro João Gonçalves,
Por causa disto vale a pena votar Marques Mendes ???!!! Li bem ? Mas acha honestamente que Marques Mendes é alternativa a alguma cosia ? Já não digo só ao PS. A direita continua a sua travessia do deserto sem ideia nenhuma ! Até o inefável Ferraz da Costa pensa candidatar-se a político !!!!
Cruz canhoto.
E o salvador Cavaco está a revelar-se uma desilusão para essa direita. Ainda não p+ercebi porquê ! O Prof. nunca enganou ninguém. Até foi o melhor 1º ministro social-democrata deste país.
Cumprimentos

Anónimo disse...

Este país continua à espera de D. Sebastião.

Anónimo disse...

Vá-se encostando ao MM. Talvez tenha sorte. Há quem faça de tudo por um tachinho hem!