22.12.07

O DESMANTELADOR IMPLACÁVEL


O dr. Menezes, o equívoco em regime ambulatório que dirige o PSD, acha que se deve "desmantelar" o Estado. Melhor. Ele jura que o vai "desmantelar" quando, em 2009, subir a 1º ministro. O dr. Menezes não entusiasma ninguém e é um bálsamo para Sócrates que, aliás, nem lhe liga. Se o PSD não "desmantelar" o dr. Menezes em tempo útil, nem sequer se sabe o que é que, do partido, chega a 2009. Com Menezes, de certeza, é que não se chega a lado nenhum.

10 comentários:

Paulo Gorjão disse...

João, você ansiava pelo regresso de Santana Lopes ao Parlamento, lembra-se? Um abraço forte e votos de um Feliz Natal com a família e amigos.

Pedro Barbosa Pinto disse...

Meneses diz que se o PSD não ganhar em 2009, então em 2013 ou 2017 irá ser muito mais díficil, mas não explicou porquê. Antecipo três razões possíveis:

1. - Esta espécie de estado Novo que devagar se vai instalando, consolida-se depois de 2009.

2. - O Dr. Meneses continua à frente do PSD.

3. - Sócrates está a cumprir e o povo quer mantê-lo à frente do Governo.

Claro que a terceira não passa de um devaneio próprio da época que atravessamos.

Anónimo disse...

Bocês gozam, gozam, mas ainda não biram do que o homem é capaz...Os liverais que se cuidem!

Anónimo disse...

Este Meneses é uma benção dos céus para o Sócrates. Com um PSD assim lá se vão as esperanças de correr com a seita que tomou conta do rectângulo. Estamos f...

joshua disse...

Nunca esperei que Menezes se posicionasse numa Oposição tão de Cabotagem, a medo, negocialista e pactualista com esta merda socretina que empesta Portugal de um insurdecedor uníssono.

Geminações equívocas!

José Amador disse...

De degrau em degrau até à queda final. As intervenções do dr. Menezes são de uma vacuidade atroz: é como aqueles meninos que, para a chamarem a atenção sobre si próprios, desatam a fazer ou a dizer asneiras. O Dr Santana Lopes sempre tem a qualidade de, quando em vez, partir a loiça. Mas não chega. Para quando um congresso extraordinário para eleger o Dr. Rui Rio ou a Drª Ferreira Leite?

VANGUARDISTA disse...

Na minha vida tive palmas e fracassos
Fui amargura feita notas e abraços
Aconteceu-me estar no palco atrás do pano
Tive a promessa de governar por um ano
A entrevista que era boa
E o meu futuro foi aquilo que se viu

Na minha vida tive beijos e empurrões
Esqueci a fome num banquete de ilusões
Não entendi a maior parte dos amores
Só percebi que alguns deixaram muitas dores
Fiz os discursos que afinal ninguém ouviu
E o meu futuro foi aquilo que se viu


Adeus tristeza, até depois
Chamo-me triste por sentir que entre os dois
Não há mais nada pra fazer ou conversar
Chegou a hora de acabar

Na minha vida fiz viagens de ida e volta
Disse de tudo por ser um político à solta
Devagarinho no conselho distrital pra começar
Com muita força no comício que é popular
Mas outra vez a triste sorte não sorriu
E o meu futuro foi aquilo que se viu



Na minha vida fui sempre um outro qualquer
Era tão fácil, bastava apenas escolher
Escolheram-me a mim, pensei que isso era verdade
Mas já passou, não sou melhor que o Sócrates na inverdade
Não ando cá para sofrer mas para gozar
E o meu futuro há-de ser o que calhar.

ana disse...

Sabemos que o Estado tem que mudar, mas o que este Senhor afirma é absurdo.

Prefiro o Programa de Mobilidade de Sócrates do que o "extermínio" de Menezes.

Anónimo disse...

Devo andar com pesadelos...ou será mesmo verdade que o Meneses largou aquelas baboseiras?! Não, não pode ser, era mau de mais...devo ter percebido mal, apesar de tudo tinha alguma esperança de ver o outro ser corrido do poleiro...amanhã vou ao psiquiatra!

Anónimo disse...

Vi agora LFM na revista cor de rosa, Nova Gente, com os filhos e a namorada e os filhos desta nas compras no corte ingles. Agora estão de férias num challet de uma amigo na cara estancia de neve Chamonix, depois va~´ao todos para a Madeira passar o ano.
LFM a falar que quer ter uma filha, a comprar roupa e DVD com namorada, uma "familia unida". Já sabíamos que o PSL era assuim mais ou menos. (parece que eram mais filhos!!!!). Mas este novel presidente diz que " na casa dele não entram revistas cor de rosa", então para que se expoe?. Para que^?Alguem me ajuda a responder??